Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Voo do Colibri

«O Colibri não é apenas um pássaro qualquer, o seu coração bate 1200 vezes por minuto, bate as suas asas 80 vezes por segundo, se parassem as suas asas de bater, estaria morto em menos de 10 segundos. Não é um pássaro vulgar, é um milagre.»

Um marco da adolescência, aquele período conturbado em que a desordem emocional se acompanha de dúvidas, e em que a poesia tem um papel de ordenamento cognitivo. E assim, uma clássica narrativa de amor, uma obra incontornável de Shakespeare, com um cenário moderno e com um elenco à medida. Um Leonardo Di Caprio perfeito Romeu, e uma Claire Danes que sem a beleza ideal continha então uma angelicalidade adolescente ideal. Com desempenhos notáveis, como Harold Perrineau no papel de Mercutio, esta é uma refrescante leitura de Romeu e Julieta.