Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Voo do Colibri

«O Colibri não é apenas um pássaro qualquer, o seu coração bate 1200 vezes por minuto, bate as suas asas 80 vezes por segundo, se parassem as suas asas de bater, estaria morto em menos de 10 segundos. Não é um pássaro vulgar, é um milagre.»

Normal People (2021)

Janeiro 11, 2021

Francisco Chaveiro Reis

ssmsmsms.jpg

Quem tiver alguma paciência para alguns momentos mortos e tolerância a uma dose extrema de melancolia, vai deliciar-se, como eu, com Normal People, que promete ser uma das séries mais marcantes de 2021.

Disfarçada de história de amor juvenil, Normal People mostra-nos a vida de Marianne (Daisy Edgar-Jones) e de Connell (Paul Mescal) desde o secundário, em Sligo até à universidade, em Dublin. Ela é inteligente, rica, bonita (mas não sabe e ninguém parece reparar) mas não encaixa na cidade, na escola ou sequer em casa, onde tem uma mãe gélida e um irmão bully. Ele é inteligente, pobre (a mãe faz limpezas na casa de Marianne) e, sendo desportista, encaixa na cidade e na escola. E em casa, a mãe é o que se espera que uma mãe seja.

É inevitável que se juntem e se explorem. Mas ele faz questão de manter o romance escondido, por clara vergonha. O que não a impede de amar e ela agradece que alguém lhe dê atenção até se fartar de vez. Voltamos a vê-los (nada temam, ainda estamos no início da série) já universitários, em Dublin, já ela é toda segura, namorada de uma das estrelas do campus e, moderna e cosmopolita, atrai agora as atenções de homens e mulheres. Já ele, sente saudades de casa e ainda não se encaixou totalmente na nova realidade. Agora é ela que pode ter vergonha dele.

E continua uma história de desencontro e de um amor estranho, forte, mas inconstante que vai mostrando que eles têm outras pessoas e que ela até passa pela Suécia e que eles até se encontram em Itália, na casa de férias dela. Normal People dá ares de uma qualquer série juvenil norte americana, com desportistas versus marrões e com direito até a um baile de finalistas e ao depois dos mais populares da escola, transformados em campónios sem horizontes. Dá ares de um filme independente francês sobre os desafios da academia e a vida boémia nos entretantos. Faz lembrar um filme italiano de verão, quando eles estão na velha casa de férias, jovens exploradores em busca da próxima aventura. Normal People é sobre crescer, com amor e muito sexo pelo meio. É sobre muito pouco e sobre muito. É sobre a história de um casal normal, mas nunca banal.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub