Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Voo do Colibri

«O Colibri não é apenas um pássaro qualquer, o seu coração bate 1200 vezes por minuto, bate as suas asas 80 vezes por segundo, se parassem as suas asas de bater, estaria morto em menos de 10 segundos. Não é um pássaro vulgar, é um milagre.»

De Al Colrey, este Bigger than the sky é um filme de uma simplicidade tocante, que vai das lágrimas às gargalhadas e dá a volta, e que traz ao cinema o desvanecer da vida, mas acima de tudo a inquietude dos palcos, onde não há papéis pequenos, só atores pequenos. Um elenco de qualidade num filme de qualidade. Uma história de superação, de auto-encontro e das intermitências da morte.