Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Voo do Colibri

«O Colibri não é apenas um pássaro qualquer, o seu coração bate 1200 vezes por minuto, bate as suas asas 80 vezes por segundo, se parassem as suas asas de bater, estaria morto em menos de 10 segundos. Não é um pássaro vulgar, é um milagre.»

10 Jan, 2014

Medeia

 

Nos dias que correm, parece que cada esquina de Lisboa tem um novo restaurantes de hambúrgueres. Estão na moda, mesmo que muitos sejam banais. Um que frequento há anos e anos e nunca desilude, pela quantidade, qualidade e boa relação qualidade/preço é o Medeia, no Monumental, ali no Saldanha, mesmo ao lado das bilheteiras do cinema. Há poucas coisas que me provocam tanto prazer como um hambúrguer Medeia seguido de um bom filme na mítica sala 4. Aconteceu ontem.

 

O restaurante é simples, sem grande decoração mas vale pela janela que dá para o Saldanha. Bonita vista da correria lisboeta, de dia ou de noite.

 

Mas, o melhor mesmo, são, claro, os hambúrgueres mesmo que existam bifes, saladas e sandes várias. O da minha eleição é o Medeia com queijo, bacon e ovo estrelado. Nada calórico. Destaco ainda o Rockfort, coberto com o queijo que lhe dá nome. Mas, há mais. Com ananás, com cogumelos e mais meia dúzia de opções que agradam a todos. Chegam num prato com pão de hambúrguer, uma generosa porção de batatas e uma boa salada.

 

Para acompanhar uma bela seleção de cervejas, nomeadamente as Grimbergen, Leffe , Duvel,  Budweiser ou Guiness. Por cerca de 8 euros por pessoa, é uma refeição simples, saborosa e ao alcance de muitas bolsas.