Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Voo do Colibri

«O Colibri não é apenas um pássaro qualquer, o seu coração bate 1200 vezes por minuto, bate as suas asas 80 vezes por segundo, se parassem as suas asas de bater, estaria morto em menos de 10 segundos. Não é um pássaro vulgar, é um milagre.»

O novo dos irmãos Cohen mostra uma semana na vida de Llewyn Davis, um cantor folk nos EUA dos anos 60, que não conhece o sucesso. Mal vestido, com frio e fome, anda de casa em casa em busca de algo que nunca encontra, sendo um eterno insatisfeito. Interpretado  por Oscar Isaac (Drive, Sucker Punch ou O Legado de Bourne), Llewyn é um homem perdido, não conseguindo impor-se num mundo competitivo da música após a morte do amigo com quem formava um duo e com quem dias de ténue glória. À sua volta, músicos seus amigos parecem ter sucesso, mesmo que ele não lhes reconheça talento como o seu. Dorme nos sofás de amigos a quem engravida as mulheres, as maltrata ou a quem deixa fugir o gato. Não se orgulha do pai nem se dá bem com a vida burguesa da irmã. Apesar de tud isto, nunca o vemos como "mau". Llewyn anda à procura de si e nunca se encontra, um pouco como o filme.