Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




The Revenant (2015)

por Francisco Chaveiro Reis, em 22.01.16

maxresdefault.jpg

Sigo com admiração a carreira de Alejandro Gonzázez Iñárritu desde que vi Amor Cão, em 2000, protagonizado por então desconhecido Gael Garcia Bernal. Fiquei depois arrebatado por 21 Gramas (2003) e bastante convencido com Babel (2006). O mexicano filma o sofrimento humano extremo com mestria e faz uso superior da fotografia e de técnicas únicas de filmagem (os planos diabólicos de Birdman mostram bem isso). Regressa agora com um filme de época, The Revenant, piscando o olho à câmera contemplativa do mestre Malick (muitas vezes me lembrei do quase ignorado O Novo Mundo) e dando o seu toque de sofrimento. Aliás, Glass (Leo Di Caprio com Óscar garantido), sofre como poucas personagens terão sofrido na história do cinema. Em quase três horas, os espetadores estão tensos na sua cadeira, à espera da próxima sangrenta desventura do protagonista. Mas voltemos atrás. Nos anos 1820, um grupo de caçadores de peles, algures nas Montanhas Rochosas, já com um bom saque, prepara-se para voltar para o seu quartel general quando são atacados por índios (numa história paralela, um chefe índio procura a filha, raptada). Os 45 homens, transformam-se em 10, que fogem à justa e escondem as peles. Glass acaba por encontrar e ser atacado violentamente por um urso (cena arrepiante). Estropiado, é abandonado pelos companheiros. Começa aqui a sua luta para sobreviver e regressar à civilização. Tendo principal motivação a vingança contra Fitzerald (Tom Hardy, mais uma vez, perfeito), Glass tudo enfrentará para regressar.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)






BLOGOSFERA

LETRA - A


Antropocoiso

A FORMA E O CONTEÚDO

Aventar

[a barriga de um arquitecto]

às nove no meu blogue

Autores e Livros

Aspirina B

ABC do PPM

A barbearia do senhor Luís

A Natureza do Mal

Arcebispo de Cantuária

A Arte da Fuga

Ativismo de Sofá

o Avesso do Avesso

A Terceira Noite

A B S O R T O

Água Lisa

Arcadia

avatares de um desejo

A Causa Foi Modificada

 

LETRA - B


BLASFÉMIAS

Banco Corrido.

Bicho Carpinteiro

Bibliotecário de Babel

...bl-g- -x-st-

blogue dos marretas

cinco dias

Câmara de Comuns

Corta-fitas

Causa Nossa

Clube das Repúblicas Mortas

Cadeirão Voltaire

Córtex Frontal

Cibertúlia

CHARQUINHO

classepolitica

Cartas de Política

 

LETRA - D


Delito de Opinião

Diário Ateísta

Da Literatura

Direito & Economia

Da Rússia

 

LETRA - E


Entre as brumas da memória

Esquerda Republicana

Estado Sentido

 

LETRA - H


hoje há conquilhas, amanhã

Homem Urbano

Horas Extraordinárias

 

LETRA - I


irmão lúcia

INDÚSTRIAS CULTURAIS

(in)Transmissível

 

LETRA - J


jugular

 

LETRA - L


lusofolia

Ladrões de Bicicletas

Livros de Areia Editores

LER

 

LETRA - M


Minoria relativa

 

LETRA - N


Não sei o quê, um blog

noite americana

Nostalgia Futura/a>

 

LETRA - O


O MacGuffin

O Insurgente

O JUMENTO

o Avesso do Avesso

O que fica do que passa

Ortografia do olhar

o silêncio dos livros

 

LETRA - P


portugal dos pequeninos

Pedro Rolo Duarte

 

LETRA - S


sorumbático

segunda língua

 

LETRA - T


Tantos Livros Tão Pouco Tempo

 

LETRA - V


Venice is Not Sinking

 

LETRA - 1,2,3


31 da Armada

25 centímetros de neve



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D