Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Silêncio (2017)

por Francisco Chaveiro Reis, em 23.01.17

 

Silêncio, novo filme de Martin Scorcese, é longo (quase três horas) e desafiante. Ameaça muitas vezes tornar-se chato mas a meu ver, tal nunca acontece. No Séc. XVII, os cristãos são perseguidos e massacrados no Japão budista. Os japoneses convertidos são obrigados a renunciar à sua fé ou assassinados. É neste contexto que o padre português Ferreira (Liam Nesson) desaparece sem deixar rasto. Chegam a Portugal relatos da sua conversão ao budismo e da sua renúncia à fé. Num clima de grande perigo, dois dos seus protegidos resolvem partir para Oriente para saber o que realmente aconteceu a Ferreira. É assim que Sebastião Rodrigues (Andrew Garfield) e Francisco Garupe (Adam Driver) partem para a aventura da sua vida. Escondidos no Japão pós passagem por Macau, com a ajuda de um japonês bêbado e errante – Kichijiro (Yosuke Kubozuka), conhecem a pobreza extrema, o medo de serem apanhados mas uma fé inabalável de uma minoria japonesa tocada pelos ensinamentos dos jesuítas ibéricos. Num período de grande sofrimento, os dois padres acabam por ser presos, com destaque para Rorigues que se vê sob a influência de Inoue (Issei Ogata), o cérebro por trás da perseguição. Um filme de grande beleza fotográfica onde o sofrimento extremo está sempre presente, tendo a fé como escape e tábua de salvação.

Nota: Impressionante o sadismo relatado nos métodos de torturar os cristãos. Um sadismo reproduzido depois em filmes da II Guerra Mundial, nos quias se volta a ver esta maldade aplicada aos prisioneiros norte-americanos, vide Invencível, de 2014.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



BLOGOSFERA

LETRA - A


Antropocoiso

A FORMA E O CONTEÚDO

Aventar

[a barriga de um arquitecto]

às nove no meu blogue

Autores e Livros

Aspirina B

ABC do PPM

A barbearia do senhor Luís

A Natureza do Mal

Arcebispo de Cantuária

A Arte da Fuga

Ativismo de Sofá

o Avesso do Avesso

A Terceira Noite

A B S O R T O

Água Lisa

Arcadia

avatares de um desejo

A Causa Foi Modificada

 

LETRA - B


BLASFÉMIAS

Banco Corrido.

Bicho Carpinteiro

Bibliotecário de Babel

...bl-g- -x-st-

blogue dos marretas

cinco dias

Câmara de Comuns

Corta-fitas

Causa Nossa

Clube das Repúblicas Mortas

Cadeirão Voltaire

Córtex Frontal

Cibertúlia

CHARQUINHO

classepolitica

Cartas de Política

 

LETRA - D


Delito de Opinião

Diário Ateísta

Da Literatura

Direito & Economia

Da Rússia

 

LETRA - E


Entre as brumas da memória

Esquerda Republicana

Estado Sentido

 

LETRA - H


hoje há conquilhas, amanhã

Homem Urbano

Horas Extraordinárias

 

LETRA - I


irmão lúcia

INDÚSTRIAS CULTURAIS

(in)Transmissível

 

LETRA - J


jugular

 

LETRA - L


lusofolia

Ladrões de Bicicletas

Livros de Areia Editores

LER

 

LETRA - M


Minoria relativa

 

LETRA - N


Não sei o quê, um blog

noite americana

Nostalgia Futura/a>

 

LETRA - O


O MacGuffin

O Insurgente

O JUMENTO

o Avesso do Avesso

O que fica do que passa

Ortografia do olhar

o silêncio dos livros

 

LETRA - P


portugal dos pequeninos

Pedro Rolo Duarte

 

LETRA - S


sorumbático

segunda língua

 

LETRA - T


Tantos Livros Tão Pouco Tempo

 

LETRA - V


Venice is Not Sinking

 

LETRA - 1,2,3


31 da Armada

25 centímetros de neve



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D