Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Irish Celtic no CCB. Fantástico!

por João Ferreira Dias, em 24.02.15

 Quatro horas da tarde e o Centro Cultural de Belém fervilhava de gente de todas as idades. Inesperadamente vinham pessoas dos seus 70 anos e de um Portugal de outros tempos, misturados às crianças e aos habitantes de Lisboa e arredores. Formávamos uma massa de gente diferente mas toda ela motivada para beber do espírito irlandês num encenado pub de Cork. Durante quase duas horas fomos levadas pelo sapateado que inundou a terceira classe do Titanic, pela fome e emigração do séc. XIX, pela centralidade dos pubs na vida social irlandesa, pela luta contra a opressão britânica e o espírito dos dias que correm, onde a cerveja é sempre uma constante e a poderosa música irlandesa o pano de fundo. Um espetáculo emocionante, vibrante, musicalmente poderoso, que mistura a força dos homens que não vergam à beleza singela das mulheres que dançam como fadas. Assistir ao Irish Celtic foi regressar ao Temple Bar em Dublin e ao copo de cidra irlandesa, a Glendalough ou Kylemore Abbey com o seu vibrante verde, a Galway ou Limerick, das margens dos rios, dos pubs, das discotecas, regressar ao silêncio profundo da gaita de foles. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Imagem de perfil

De margaux a 24.02.2015 às 11:34

Assisti ao espéctaculo no Domingo à tarde e também adorei
Imagem de perfil

De João Ferreira Dias a 24.02.2015 às 14:53

Eu também assisti domingo à tarde. Partilhámos o mesmo momento.
Imagem de perfil

De Ana a 24.02.2015 às 18:08

Oh. Queria ter sabido disto a tempo e horas. Deve ter sido fantástico.

Comentar post




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



BLOGOSFERA

LETRA - A


Antropocoiso

A FORMA E O CONTEÚDO

Aventar

[a barriga de um arquitecto]

às nove no meu blogue

Autores e Livros

Aspirina B

ABC do PPM

A barbearia do senhor Luís

A Natureza do Mal

Arcebispo de Cantuária

A Arte da Fuga

Ativismo de Sofá

o Avesso do Avesso

A Terceira Noite

A B S O R T O

Água Lisa

Arcadia

avatares de um desejo

A Causa Foi Modificada

 

LETRA - B


BLASFÉMIAS

Banco Corrido.

Bicho Carpinteiro

Bibliotecário de Babel

...bl-g- -x-st-

blogue dos marretas

cinco dias

Câmara de Comuns

Corta-fitas

Causa Nossa

Clube das Repúblicas Mortas

Cadeirão Voltaire

Córtex Frontal

Cibertúlia

CHARQUINHO

classepolitica

Cartas de Política

 

LETRA - D


Delito de Opinião

Diário Ateísta

Da Literatura

Direito & Economia

Da Rússia

 

LETRA - E


Entre as brumas da memória

Esquerda Republicana

Estado Sentido

 

LETRA - H


hoje há conquilhas, amanhã

Homem Urbano

Horas Extraordinárias

 

LETRA - I


irmão lúcia

INDÚSTRIAS CULTURAIS

(in)Transmissível

 

LETRA - J


jugular

 

LETRA - L


lusofolia

Ladrões de Bicicletas

Livros de Areia Editores

LER

 

LETRA - M


Minoria relativa

 

LETRA - N


Não sei o quê, um blog

noite americana

Nostalgia Futura/a>

 

LETRA - O


O MacGuffin

O Insurgente

O JUMENTO

o Avesso do Avesso

O que fica do que passa

Ortografia do olhar

o silêncio dos livros

 

LETRA - P


portugal dos pequeninos

Pedro Rolo Duarte

 

LETRA - S


sorumbático

segunda língua

 

LETRA - T


Tantos Livros Tão Pouco Tempo

 

LETRA - V


Venice is Not Sinking

 

LETRA - 1,2,3


31 da Armada

25 centímetros de neve



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D