Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O pior programa de sempre da televisão portuguesa

por Francisco Chaveiro Reis, em 31.05.14

 

 

 

 

Em O Poder do Amor, uma série de casais mentecaptos submete-se a provas ridículas. A primeira envolveu que as mulheres do grupo procurassem caixas no meio do esterco. Está tudo dito, não?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Days of Future Past (2014)

por Francisco Chaveiro Reis, em 29.05.14

 

Ao sétimo filme, a série X-Men continua bem viva e, mais do que isso, está cada vez melhor. Começou com a trilogia original, de 2000 a 2006 e continuou com dois filmes centrados em Wolverine (2009 e 2013). Em 2011, com “First Class”, a série conheceu o seu melhor filme até então. Nesta fita, ficamos a saber como Charles Xavier e Magneto se conheceram e como a sua amizade se tornou na rivalidade essencial para a saga.

 

Agora, neste “Days of Future Past”, Xavier e Magneto aparecem como aliados num futuro não muito distante (2023?) onde os mutantes são perseguidos e assassinados por máquinas de morte denominadas Sentinelas. Criadas nos anos 70, após Mystic assassinar o Dr. Trask, cientista e criador dos Sentinelas originais, estas máquinas absorvem os poderes do mutantes que se preparam para matar, sendo quase impossíveis de aniquilar.

 

À beira da destruição da raça, a pedido de Xavier e Magneto, Wolverine é mandado a 1973 para mudar o rumo dos acontecimentos e evitar a extinção dos mutantes.

 

Com uma boa narrativa, boas interpretações e cenas deliciosas suportadas pelo último grito da tecnologia, este X-Men terá, inevitavelmente, o selo de filme de pipoca vazio mas é um muito interessante exercício de ação. A ver. Sem dúvida.

 

Para 2016, está planeado mais um filme X-Men (há um cheirinho após os longos créditos finais) e para 2017, mais uma aventura a solo de Wolverine.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Que se lixem as notícias (2013)

por Francisco Chaveiro Reis, em 28.05.14

 

Nos anos 70, Ron Burgundy (Will Ferrell) pensar ser um pivot de sucesso na tv americana, fazendo dupla com a mulher, Veronica (Christina Applegate), quando é chamado ao gabinete do chefe, Mack (Harrison Ford). Contra aquilo que esperava, a mulher é promovida para as notícias em horário nobre e ele é despedido. Tudo melhora quando é convidado para o primeiro canal de notícias 24 horas por dia e recupera a sua antiga equipa (Paul Rudd, Steve Carell e David Koechner) iniciando uma luta para subir as audiências, a todo o custo. Genial comédia, absolutamente non-sense onde, numa espetacular cena final, estrelas como Sacha Baron Cohen, Marion Cotillard, Jim Carrey ou Will Smith, abrilhantam, ainda mais, duas horas de pura loucura.

Autoria e outros dados (tags, etc)

The Unlikely Pilgrimage of Harold Fry

por Francisco Chaveiro Reis, em 26.05.14

 

É o livro do momento e eu, suscetivel a boas campanhas de marketing, lá o comprei apenas para testemunhar que, o barulho tem razão de ser. Harold Fry é um reformado inglês, profundamente entediado com a vida que leva. Um dia, quando, após se barbear e vestir uma camisa lavada e colocar a sua gravata, Harold se prepara para tomar o pequeno-almoço, chega uma carta. E é aquela carta misteriosa, vinda num enevolpe rosa, que lhe muda a vida. Sem avisar a mulher, Harold põe-se a caminho para visitar a autora da carta - uma amiga de longa data que está a morrer. Harold ganha nova vida com a aventura e a mulher, "abandonada" em casa, começa, aos poucos a lembrar-se porque se apaixonou por ele. Com escrita simples, este The Unlikely Pilgrimage of Harold Fry é imperdível. Entrevista com a autora aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



BLOGOSFERA

LETRA - A


Antropocoiso

A FORMA E O CONTEÚDO

Aventar

[a barriga de um arquitecto]

às nove no meu blogue

Autores e Livros

Aspirina B

ABC do PPM

A barbearia do senhor Luís

A Natureza do Mal

Arcebispo de Cantuária

A Arte da Fuga

Ativismo de Sofá

o Avesso do Avesso

A Terceira Noite

A B S O R T O

Água Lisa

Arcadia

avatares de um desejo

A Causa Foi Modificada

 

LETRA - B


BLASFÉMIAS

Banco Corrido.

Bicho Carpinteiro

Bibliotecário de Babel

...bl-g- -x-st-

blogue dos marretas

cinco dias

Câmara de Comuns

Corta-fitas

Causa Nossa

Clube das Repúblicas Mortas

Cadeirão Voltaire

Córtex Frontal

Cibertúlia

CHARQUINHO

classepolitica

Cartas de Política

 

LETRA - D


Delito de Opinião

Diário Ateísta

Da Literatura

Direito & Economia

Da Rússia

 

LETRA - E


Entre as brumas da memória

Esquerda Republicana

Estado Sentido

 

LETRA - H


hoje há conquilhas, amanhã

Homem Urbano

Horas Extraordinárias

 

LETRA - I


irmão lúcia

INDÚSTRIAS CULTURAIS

(in)Transmissível

 

LETRA - J


jugular

 

LETRA - L


lusofolia

Ladrões de Bicicletas

Livros de Areia Editores

LER

 

LETRA - M


Minoria relativa

 

LETRA - N


Não sei o quê, um blog

noite americana

Nostalgia Futura/a>

 

LETRA - O


O MacGuffin

O Insurgente

O JUMENTO

o Avesso do Avesso

O que fica do que passa

Ortografia do olhar

o silêncio dos livros

 

LETRA - P


portugal dos pequeninos

Pedro Rolo Duarte

 

LETRA - S


sorumbático

segunda língua

 

LETRA - T


Tantos Livros Tão Pouco Tempo

 

LETRA - V


Venice is Not Sinking

 

LETRA - 1,2,3


31 da Armada

25 centímetros de neve



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D